Siga nossas Redes
'
');

SAÚDE

Linhares inicia vacinação de grávidas e pessoas com comorbidades.

Publicado

em

Nesta terça-feira (4), Linhares vai iniciar a vacinação das pessoas com comorbidades que foi dividida em duas fases. Na primeira fase, serão contempladas pessoas entre 18 e 59 anos dos seguintes grupos: gestantes e puérperas com comorbidades descritas no quadro abaixo, que serão imunizadas na Casa Rosa, no bairro Shell.Também serão vacinadas contra a Covid-19 pessoas com fibrose cística, Síndrome de Down, deficiência mental/intelectual, pacientes renais crônicos em diálise.

A vacinação para esse grupo acontece no setor de hemodiálise, ao lado do Hemonúcleo de Linhares, no centro da cidade.Já pessoas com obesidade mórbida, com Índice de Massa Corpórea (IMC) acima de 40; deficientes físicos cadastrados no programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC) nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município. Os critérios estabelecidos obedecem a Nota Técnica do Governo do Estado do ES.

A vacinação ocorrerá sempre das 8 às 17 horas.Deste público prioritário, 917 doses da primeira dose da vacina serão destinadas para pessoas com comorbidades e 220 para gestantes e puérperas com comorbidades. No ato da vacinação é indispensável a apresentação de laudo médico que comprova a comorbidade.“A imunização deve seguir critérios epidemiológicos. Precisávamos garantir, primeiro, a proteção dos idosos, grupo mais vulnerável e responsável por grande maioria do total de mortes por Covid-19 no Município.

Agora, após a vacina para todos acima dos 60 anos, é urgente vacinar pessoas com comorbidades, que também têm risco agravado de óbito. Para se ter ideia, cerca de 90% das pessoas que morreram pela Covid-19 em Linhares tinham algum tipo de comorbidade”, destacou o secretário municipalde Saúde, Saulo Rodrigues Meirelles.

Esse grupo prioritário de pessoas com comorbidades se baseia em recomendações do Ministério da Saúde e segue rigorosamente o Plano Nacional de Imunização que é seguido à risca pelo Município. “A inclusão das grávidas e puérperas com comorbidades, é de extrema importância porque os estudos apontam que a Covid-19 apresenta fatores de riscos desfavoráveis para as grávidas e puérperas”, explicou a diretora de Vigilância Epidemiológica da Prefeitura de Linhares, Jackelene Ramos.

Publicitário, acadêmico de Direito e redator do Portal de Notícias O Singular. Escrevo notícias de diversas categorias, como: Geral, Política, Fé e de utilidade pública.

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Advertisement

SEJA UM AGENTE DA INFORMAÇÃO

[email protected]

 (27) 99257-7565

Participe do nosso site enviando sugestões de conteúdo, fatos e os acontecimentos registrados por você. Seja um agente da informação! Seja diferente, seja Singular!

Advertisement

MAIS LIDAS