Siga nossas Redes
'
');

POLÍTICA NACIONAL

Em encontro do PL no ES, Bia Kiss fala sobre a PEC da Bengala/STF

Publicado

em

O partido Liberal (PL), liderado pelo ex-senador Magno Malta em território capixaba, realizou neste sábado (27), um encontro partidário da sigla na capital, para tratar dos rumos políticos do próximo pleito em 2022.

O Congresso do PL juntou militantes da sigla, movimentos conservadores, políticos de outras legendas e o cantor Netinho, além de uma exibição de um vídeo, gravado pelo presidente Bolsonaro.

Dentre os participantes da Mesa de autoridades, estavam: o cantor Netinho, a deputada federal Bia, o presidente do PL, Magno Malta; a deputada federal Soraya Manato (PSL) e o marido, Carlos Manato; o deputado federal Neucimar Fraga (PSD) e os estaduais Capitão Assumção (Patriota) e Danilo Bahiense (PSL).

A deputada federal e presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara Federal, Bia Kicis (PSL-DF), esteve neste presente no Encontro para participar do congresso estadual do PL e disse, em seu discurso, que “quem está violando a separação dos poderes é o STF”, ao comentar sobre a PEC, da sua autoria, que antecipa a aposentadoria dos ministros de tribunais superiores, entre eles o STF. A PEC foi aprovada na CCJ da Câmara Federal.

“Nosso intuito não é atacar, nem arrancar ninguém à força. Mas nós queremos abrir espaço, não podemos mais aguardar que os ministros que estão no Supremo completem 70 anos e fiquem por mais cinco. Estamos com muitos ministros que vão ficar por muitos anos naquela Corte, aliás, uma discussão que surgiu é que deveríamos colocar mandato. Quando a pessoa entra jovem, com 40 anos, e fica até 70, são 30 anos no poder. Muitos se sentem como verdadeiros deuses, acima do bem e do mal”, justificou Bia.

Há seis anos, em 2015, o Congresso aumentou, por meio da PEC da Bengala, a idade para a aposentadoria compulsória dos ministros, de 70 para 75 anos. À época, a medida foi para evitar que a presidente Dilma Rousseff indicasse cinco ministros ao STF.

MANATO PARTICIPA DE FILIAÇÃO DE BOLSONARO

O ex-deputado federal, Carlos Manato, participou do encontro estadual do PL e inclusive formou a mesa de autoridades. Manato deve viajar, nesta segunda-feira (29), a Brasília para participar da filiação do presidente Bolsonaro ao PL.

Questionado se vai aproveitar a viagem e se filiar também, Manato disse que ainda não conversou com Magno Malta sobre sua entrada no partido e nem sobre disputar a candidatura ao governo do Estado. “O evento não foi para falar de filiação, foi sobre ter união entre os conservadores”. Afirmou Manato.

Texto com inf. de Fabiana Tostes – Folha Vitória

Publicitário, acadêmico de Direito e redator do Portal de Notícias O Singular. Escrevo notícias de diversas categorias, como: Geral, Política, Fé e de utilidade pública.

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Advertisement

SEJA UM AGENTE DA INFORMAÇÃO

[email protected]

 (27) 99257-7565

Participe do nosso site enviando sugestões de conteúdo, fatos e os acontecimentos registrados por você. Seja um agente da informação! Seja diferente, seja Singular!

Advertisement

MAIS LIDAS