Siga nossas Redes
'
');

NOTÍCIAS DE LINHARES

Linhares festeja seus 221 anos e recebe homenagens. Parabéns!

Publicado

em

Créditos da Foto: Alexandre Liuth

A Cidade dos Verdes e das Águas tem belezas naturais únicas, alto índice de desenvolvimento e o orgulho da sua gente… apesar dos desafios  

Linhares festeja seus 221 anos. E tem, sim, muitos motivos para comemorar.  A cidade apresenta um alto índice de desenvolvimento é considerada uma das melhores do Espírito Santo para se viver e investir.

A cada ano,  novas grandes empresas de diferentes segmentos de mercado chegam por aqui, temos uma significativa ampliação imobiliária e, assim, vemos nossa cidade avançar.

Claro que  existem muitos desafios a serem vencidos, melhorias que nossa gente já deveria ter recebido, mas não podemos deixar de nos orgulhar de tudo o que o trabalho sério do linharense e de quem escolheu viver na Cidade das Águas já construiu.

O município com a extensão territorial e maior extensão litorânea do Espírito Santo é repleto de dados que confirmam o quanto essa labuta tem sido positiva.

Linhares está no topo do agronegócio capixaba. Se os resultados em produção fossem premiados como em uma Olímpiada, a cidade teria pelo menos nove medalhas de ouro, mais cinco de prata e uma de bronze. Ocupamos o topo do pódio nas produções capixabas de banana, bubalinos, cacau, café conilon, coco-da-baía, mamão, maracujá, melancia e ovinos.

Somente no primeiro trimestre deste ano, nosso município criou 5.738 vagas de emprego no mercado formal. Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), o município é um dos que mais geram empregos no Espírito Santo.

Linhares 221 anos – Homenagens

Deputado Marcos Garcia. Foto: Ales

“Tenho uma história de amor por Linhares! A cidade é linda, cheia de potencialidades e riquezas! Tenho orgulho de representar e de defender os interesses da nossa terra e da nossa gente. Trabalhar por uma Linhares cada vez melhor é a minha forma de demonstrar meu amor e minha gratidão à cidade que escolhi para construir a minha a minha vida e a minha família. Onde eu estiver, Linhares estará comigo. Feliz Aniversário Linhares!”, afirmou o deputado estadual, Marcos Garcia.

Foto: arquivo pessoal vereador Roque Chile

“Nasci e cresci aqui, tenho orgulho de ser filho da terra e de evoluir junto com o crescimento da nossa cidade. Há 08 meses, assumi o compromisso frente à Câmara Municipal por uma gestão profissionalizada, transparente e mais próximo das pessoas. Entendemos que juntos, podemos ajudar a construir uma cidade ainda melhor para todos. Parabéns a nossa linda Linhares”, aponta o presidente da Câmara Municipal, vereador Roque Chile.

Guerino toma posse e diz que é seu último mandato como prefeito de Linhares  | A Gazeta
Prefeito Guerino Zanon. Foto: Câmara de Linhares

E em dia de festa, não faltam declarações de amor. Muitos foram as homenagens de autoridades. “Parabéns Linhares pelos seus 221 anos de história. Parabéns aos linharenses e aos que escolheram essa cidade para viver. Viva Linhares”, escreveu o prefeito Guerino Zanon em seu Instagram.

Deputado Luiz Durão. Foto: Ales


Também pelas redes sociais, o deputado estadual Luiz Durão, declarou seu amor. “Hoje é o aniversário da minha cidade querida, lar da minha família e que me enche de orgulho! “

“É um privilégio representar os linharenses na Assembleia Legislativa, essa gente batalhadora e honesta que, a cada dia, constrói com o seu próprio suor o desenvolvimento do município. E neste dia de comemoração pelos seus 221 anos, desejo que Linhares se torne cada vez mais próspera e justa para todos. Reafirmo o meu compromisso de lutar por cada um de vocês e valorizar o fruto da nossa terra”.

Deputado Luiz Durão (PDT)

Entrevista - Erick Musso
Presidente da Assembleia Legislativa, deputado Erick Musso. Foto: Ales

E o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Erick Musso, também nos enviou mensagem. “Linhares, Parabéns! Uma cidade que merece ser abraçada pelo seu dia. Além de um progresso permanente, ainda tem como destaque a natureza que foi bastante gentil com lagoas e rios que banham o município. A Lagoa Juparanã, a maior do Brasil em volume de água. Não por acaso é conhecida como a Cidade do Verde e das Águas. E o agronegócio mostra sua força na economia. A esse povo guerreiro e hospitaleiro, toda nossa admiração e que continue a contribuir para o desenvolvimento de nosso querido Espírito Santo. Força sempre Linhares!”.

História

Linhares nasceu em 22 de agosto de 1800, no Povoado de Coutins, iniciado pelo senhor Sebastião Ortolan, que posteriormente instalaria um quartel militar para proteger a navegação do rio Doce.

Donos da terra, os índios do grupo Botocudos – nação Gês ou Tapuias – resistiam fortemente à colonização branca. O primeiro povoado foi inteiramente destruído pela resistência botocuda. Mas eles acabaram dizimados pelo poder das armas de fogo.  E em 1809, outro povoado foi levantado no mesmo lugar, um platô em forma de meia-lua, às margens do Rio Doce, recebendo o nome de Linhares, em homenagem a D. Rodrigo de Souza Coutinho, o Conde de Linhares.

Em 1819, Francisco Alberto Rubim ordena que seja feita uma “Vista e Perspectiva do Povoado de Linhares”, e nela, vê-se também a Primeira Igreja, construída sob o patrocínio de Rubim. O povoado foi construído em volta da atual Praça 22 de Agosto, que guarda até hoje seu traçado original.

Em abril de 1833, em execução a uma Provisão de Paço Imperial (que corresponde hoje a um decreto do Presidente da República), o Povoado foi  elevado à condição de Vila, sendo sede do município do mesmo nome – Linhares – sob a proteção de N. S. da Conceição.

Em 22 de Agosto do mesmo ano, realizou-se a primeira sessão solene da Câmara de Vereadores do Município de Linhares, dando “início a sua vida político – administrativa”. Nessa época, o Brasil era Império, o Espírito Santo uma Província, e era Vila, a sede dos municípios. Por não existir prefeito, cada município era administrado por sua Câmara de Vereadores.

O município de Linhares abrangia a área que hoje abriga as cidades de Linhares, Rio Bananal, Colatina, Baixo Guandu, Pancas, São Gabriel da Palha, Sooretama e partes de Ibiraçu, Santa Tereza e Itaguaçu.

No final do século XIX, a Vila entrou em decadência e o povoado de Colatina vivia um rápido crescimento graças à colonização italiana com o plantio de café e a inauguração dos trilhos da Estrada de Ferro Vitória – Minas. Em 30 de dezembro de 1921 foi criado o município de Colatina. O que acelerou a decadência de Linhares vivenciada por mais 22 anos seguintes.

Mas, em 1930, teve início em Linhares a abertura de uma estrada, ligando a cidade primeiro a Vitória, para o sul; e depois até São Mateus, ao norte. A nova estrada e o trabalho árduo dos linharenses junto ao Governo do Estado reverteu a situação. No dia 31 de dezembro de 1943, o município de Linhares foi restabelecido e desligado do município de Colatina. E a cidade teve seu primeiro prefeito nomeado: Dr. Roberto Calmon. A partir daí, a cidade não parou mais de crescer

Fundação do Povoado: ano de 1800
Criação do município de Linhares: 22 de agosto de 1833
Recriação e nomeação do primeiro prefeito de Linhares: 31 de dezembro de 1943.

Fonte: Prefeitura de Linhares

Publicitário, acadêmico de Direito e redator do Portal de Notícias O Singular. Escrevo notícias de diversas categorias, como: Geral, Política, Fé e de utilidade pública.

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Advertisement

SEJA UM AGENTE DA INFORMAÇÃO

[email protected]

 (27) 99257-7565

Participe do nosso site enviando sugestões de conteúdo, fatos e os acontecimentos registrados por você. Seja um agente da informação! Seja diferente, seja Singular!

Advertisement

MAIS LIDAS