Siga nossas Redes

ALES EM FOCO

Ales instala Frente Brasil-Espírito Santo-China; Bruno Lamas será o presidente

Publicado

em

Com a proposta de atrair investimentos e desenvolvimento tecnológico, educacional, de Saúde, de Segurança Pública, de Esporte, além do uso de energias renováveis entre o Espírito Santo e a China, a Assembleia Legislativa instalou uma frente parlamentar que terá o deputado estadual Bruno Lamas (PSB) como presidente e o também parlamentar Rafael Favatto (Patriota) como secretário-executivo.

Trata-se da Frente Parlamentar Brasil-Espírito Santo-China, que foi recém-instalada e pretende, dentre outras ações, fortalecer e incentivar o diálogo e cooperação política, econômico-financeiro e multissetorial entre os dois países, tendo o Estado como protagonista.

A Frente poderá apresentar temáticas e projetos, com a realização de seminários, audiências públicas, palestras, conferências e outras atividades afins que poderão contar com a contribuição de especialistas da área e representantes de órgãos do governo e da sociedade civil organizada.

“A China é um parceiro comercial importante para o Brasil. E o Estado tem vocação para muitas das operações que são realizadas entre o País e a China. Muitas delas passam pelo Espírito Santo. A frente vem para dar uma ambiência nesta relação. É a Assembleia Legislativa interagindo com o setor produtivo do Estado. A economia chinesa está em ampla ascensão”, lembrou Bruno, que foi o autor do pedido da criação da Frente.

As áreas de investimento compõe um amplo leque, tais como: infraestrutura e logística, construção civil, agronegócio, parcerias público-privadas, concessões públicas, tecnologia, startups (empresas emergentes), produção de carros e caminhões elétricos e energia (solar, eólica, hidrelétrica, usinas de tratamento de lixo e petróleo e gás). 

Uma das atribuições do grupo será promover apoio a empresas capixabas interessadas em investimentos chineses.

HOMENAGENS

A Frente tem como intenção instituir o Comitê Honorífico Brasil-Espírito Santo-China e designará seu coordenador, podendo outorgar títulos e homenagens a personalidades, instituições, organizações e empresas, além de cidadãos e autoridades.

A finalidade é fortalecer a articulação entre os poderes Legislativo e Executivo, e todos os representantes do setor, para que, de forma engajada, seja proposta uma agenda organizada e plural, em estreita consonância e participação direta da sociedade civil, dos demais Poderes, e representações diplomáticas.

Redator do portal de notícias O Singular, com informações em matérias policiais, do cotidiano e de assuntos Políticos.

Continue Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Advertisement

SEJA UM AGENTE DA INFORMAÇÃO

[email protected]

 (27) 99257-7565

Participe do nosso site enviando sugestões de conteúdo, fatos e os acontecimentos registrados por você. Seja um agente da informação! Seja diferente, seja Singular!

Advertisement

MAIS LIDAS